sábado, 3 de dezembro de 2011

Alma Seca... (Ela)




Por mais tratado de "Paz" que alguma vez se propõe e nunca assinar, é como uma guerra fria de letras num livro que ninguém ira ler. 
Eu acordo pela manhã como uma escaramuça de fronteira que cresce no aproximar dos dias.... 

Esgotadas as munições e a tristeza invade a alma ferida que seca com um grito vazio que ninguém ouve na terra queimada da paixão.... Sem encontrar um fuso horário que unisse os dois mundos. 
Falta-me já as forças para recomeçar e estou demasiada cansada para voltar a lutar pelo amor que não pode ser meu por inteiro.

Desta vez é mesmo "Adeus definitivo," Ou um até breve...? 
Ambos sabemos que para o amor é terrível dizer Adeus, quando ambos nutrimos o mesmo sentimento. Cansados de um Adeus que eu... eu, sim! Eu, não consigo cumprir! Tenha calma alma seca... calma, um dia de cada vez! Sinto-me como nas cartilhas dos viciados arrependidos interrompendo a felicidade de um amor tão intenso jamais vivido...

Nem um de nós vamos cumprir o adeus por completo. Sempre iremos ouvir o chamado um do outro nos sonhos. É como nossos nomes respondessem à revelia dos donos... de cada vez, será a noite pronunciados pelo outro: "Preciso de ti!" Pois sem ti a Vida dói!" Esse amor é grande, mas, secou com o adeus... Aí, que falta faz esse amor que nos entranha como um orgão imaterial e nos faz respirar por toda a vida.

Acordar dentro do amor da pessoa amada, encontrar o cheiro quente da felicidade nos lençóis escangalhados pela solitária viagem dos sonhos.... Então, longe um do outro pensamos; Como....? Como podíamos ter vivido longe um do outro todos esses anos...? Por muitas vezes dispensamos conversas, um dizer sem palavras, ambos víamos as palavras flutuando, iluminadas sobre caricias partilhadas. Como se começássemos a falar essas palavras, exactas, frágeis, absolutamente silenciosas se quebrassem.

E hoje "Alma Seca" somos dois sistemas solares distantes um do outro... A vida pára com tanta coisa que ficou por dizer... tanta coisa que ficou por fazer.... tanta coisa ficou por viver à dois... Agora há só um para viver o que ficará interrompido escondido !

Então, volto a chorar em silêncio e fingir que durmo. Vou escutando o vagaroso tempo rasgar o sangue.... "Adeus.....?" Pois, meu mundo acabou de ruir e o seu recomeçará enquanto junto os destroços deste. É difícil viver sem sua metade... é impossível viver assim! 
"Alma vai secando até virar pó num vale de ossos secos.....!"


Por: Flor de Sal 

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

O Único Corpo é o Teu.... (ELA)


Eu sou apenas metade do meu corpo e do meu ser....
Rejubilando no reencontro com a outra metade que é você... 
por algumas vezes choro em silêncio.....
Escondendo cada noite que em alguns segundos 
passo em pavor. Como ossos de lágrimas, cartilagens de sentimentos roídos,
rodas soltas de corações sem motor.
Eu e você vejo como dois sistemas solares 
distantes um do outro quando você partes para longe 
Longe um do outro a vida "Dói"


Então, hoje sinto passar o dia a me esconder do mundo atrás da cortina....
Nem preciso chorar, para não sofrer mais....
Sabe; Antigamente, bastava eu pensar na minha mala que 
conseguia trazer nos bolsos para me sentir protegida.
Mas, isso foi autrora, noutra vida que agora precisa ser reconstruir rapidamente
Antes comia gelado a noite e hoje vejo que odeio comer gelado sozinha 
na cama. Achava que o excesso de calorias se produzia através da minha solidão.
Achava que era uma mulher que coloria a vida com um corpo diferente... Mas Não!
Hoje o único corpo quente que alegra a minha vida é o teu.


Quando lembro-me da cara que tu fazes quando entra dentro de mim 
"É como estivéssemos a entrar  no céu..."
 E sem ti sinto minha vida como um livro em branco ou como lá na frente alguém vir arrancar 
todas as páginas felizes de um futuro distante e inserto!
Mas as pessoas que amamos são do tamanho de nossos sonhos,
 "Não é mesmo?"
Só nós sabemos e entendemos essa saudade violenta
e a carícia que vem antes, 
durante e depois de cada beijo!


(Fotos net )
Por: Flor de Sal ;)

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

A Voz do Medo...............


Tem momentos em que meu coração esta na pontinha do olho como uma lágrima pronto para cair.... E a insegurança muitas vezes não me  deixa mostrar o tamanho do meu sentimento.... como é "Grande" como é "Forte" como é "Sereno" e "Tranquilo"........... existe tanto medo no meio disso tudo. Existe uma dor insistente que de vez em quando vai nos assustando..... cada minuto atrasado, dias e horas roubadas podem causar danos maiores .... cada toque do telefone, uma chamada não atendida ou uma desculpa dada é sempre um risco que se corre..... podemos nos perder (ai vem o medo) mas somos felizes e nos completamos tanto que a tristeza vem invade a alma mostrando nossa realidade onde sabemos que vives uma vida dividida... Tu deixas um vazio quando partes rumo ao teu mundo distante.... E que faço eu sem ti.... Se sou teu "Diamante?"............... Diz-me tu Pedaço de Mim......... diz-me tu....?!

Por: Flor de Sal

sábado, 29 de outubro de 2011

Personagem de um sonho (Ele)


Dizes que pertenço aos teus sonhos...
Que sou fantasia que perdura...
Juras com lábios risonhos
Que sou parte da tua loucura 

E eu que não sou nada nem ninguém...
Apenas imploro hoje , aqui e além
Que não te queixes... e por favor não me deixes...
Se  porventura não for esse alguém

As palavras que mais me doem
Ditas com precisão
São aquelas que nos atingem na alma ,
no sonho na emoção...

E aquelas que me dizes
Que por certo fizeram outros felizes 
Relevam-me com exatidão
Como sofreu e sofre esse teu coração!

De:Tatuagem para Flor de Sal com delicada ternura...sempre.






quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Tatuagem... (Ela)


Quero beijo de língua;
Quero suas mãos agarrando firme meu corpo...
Pouco à pouco, você vai aprendendo
entregando-te o meu desejo mais louco...



Vem, atira as nossas roupas no chão,
esqueça a suavidade e o carinho 
Não penses que hoje vai me fazer mulher 
assim devagarinho....





Quero mais... 
Hoje você será meu fruto especial
E eu para você serei 
O seu "Prato Principal"



Por: Flor de Sal 
(Iana)

domingo, 23 de outubro de 2011

Agora...........? ( Ela )




Agora...........?  Não fujo!
Agora...........? Te amo!
Agora...........?
Desesperada te espero....


E hoje  eu só penso em você,
estou completamente apaixonada....
deu tudo errado ou tudo certo?
Não sei!


Mas uma certeza tenho eu...
É amor....!
E amar não é errado a ninguém....
então, se o amor nasce....
porque não cresce e envelhece do meu lado....?!


Mas quem? Você "Tatuagem" ou o "Amor?"
A  única certeza que tenho
É que nossas almas vão se amar uma eternidade inteira....
esse amor vem de outras vidas
E é tão forte que já nada sei..... 


Por: Flor de Sal ;)

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

E agora....? (Ele)         


E agora........?que fazemos nós deste tempo.
Sim e agora....? que a falta de ti me lateja nas têmporas e me despe os sentidos na esperança de ver-te 
E agora....? que mergulho apaixonado no vazio da tua ausência.
Que a vida desliza ansiosa pelo tempo que passo contigo enquanto se arrasta quando me aparto de ti.
E agora.... Rainha ? Que futuro este o de duas almas prisioneiras de um destino.
Pergunto-te e pergunto-me e agora.... poetisa dos meus sonhos? 
Que milagre aguardamos  que nos salve desta constante revolta.
Que tragédia de fim de acto ou final feliz escolhemos nesta louca peça que é a vida.
Imploro-te .... e agora pedaço de mim  que estratagema mirabolante engendramos para nos  salvar desta violenta paixão.
Que palavras, que medos, que quimera criamos para iludir nossas emoções.  
Rogo-te e agora..... diamante louco....?
não respondes porque é agora o tempo dos amantes

porque celebramos um beijo como..................o ultimo dos beijos.
Porque ansiamos por nossos corpos colados no desespero de um abraço.
Porque aguardamos estoicamente um desenlace existencial capaz de fazer justiça a este sentimento que de tão grande não cabe nas nossas vidas.
E é agora que me desfaço em lágrimas... mas só agora ! 

      
 De: Tatuagem para  Flor de Sal.......em desespero!

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

☾ Apaixonados pela Lua - Paula Fernandes☾ (Ela)

Minha Tatuagem....

Ontem tive um sonho 

Caminhamos entre as nuvens do céu 
Desenhamos lembranças de nós dois 
Envolvidos no azul do véu 



Não ficaremos juntos 

Se não soubermos a arte de amar 

Esse segredo tão bonito do caminho 
Hieróglifos de um livro para decifrar



Na viagem desse sonho 

Nossas almas eu vi flutuar 
Nas delicadas linhas do infinito 
Fomos filhos de um romance, de um amor lunar 



Apaixonados pela lua, lua , lua 

Cheia de mistérios 

Nos finos grão de areia, mente branca 
Segredo e solidão em seus hemisférios 





Apaixonados pela lua... 
Apaixonados pela lua... 

Apaixonados pela lua... 

Apaixonados pela lua... 


Por: flor de Sal Para Tatuagem 

domingo, 16 de outubro de 2011

Não me Ame... (Ela)


Enquanto tu quiseres

Eu só existo se tu acreditas
Eu só estou ainda porque tu precisas
Eu só sou necessária se tu achares
que valho há pena agora...
Eu só vou chorar se tu me deixares
Eu só vou morrer se tu permitires
Porque eu vivo assim
Para te fazer feliz
quando tu quiseres
Quando tu disseres
Quando tu quiseres
Quando tu disseres
Porque és sempre tu
que dizes :
Quando tu quiseres....

por: Flor de Sal

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Somos Um.... (Ela)

Meus pensamentos estão completamente 
preenchido  pela mais bela imagem.......................
"Teu olhar"...... "Teu sorriso".......
Ah, como eu te queria aqui este resto de dia
e no final da tarde jantavas ao meu lado
ouvíamos  uma canção para dançarmos  juntinhos.....




Passearmos pelas ruas livre de tudo e de todos....
Ver a "LUA-CHEIA" toda poderosa no céu
sorrindo e iluminando o caminho do nosso amor.....
As "Estrelas" brilhando e brindando connosco a nossa felicidade...
Depois voltavamos para casa e num só desejo entregar-me-ia a ti
unida num só corpo.... num só prazer.....



E neste instante sermos um e sermos dois e sermos um, 
(como acontece em todas as nossas entregas)
Só assim sabemos ser nós.... só assim sabemos amar....
Depois adormecer nos teus braços
recebendo de ti todo carinho e do meu ser todo o sentir 
assim adormeciamos ouvindo o "Som" do coração dizendo;
 "Amo-te!"


Flor de Sal!

domingo, 9 de outubro de 2011

Aparecida? (Ele)

                                                           APARECIDA?

                                                     Aparecida de repente
                                                     Eis que chegas Helena
                                                     Num encontro urgente
                                                     Na hora pequena

                                                      Uma vida contada a correr
                                                      Um secreto medo de errar
                                                      Um olhar  habituado a perder
                                                      E uma  alma  que vem espreitar

                                                      Um sorriso de esperança
                                                      Uma voz doce a acompanhar
                                                      E uma face marcada pelos dias
                                                      que custaram a passar

                                                      Penetras bem fundo retiras a máscara
                                                      Invades o homem conquistas a dor
                                                      Deixas a Marca na cara
                                                      Deixas num beijo o sabor

                                                      És tu assim aparecida
                                                      Neste meu teatro de viver
                                                      Nesta suave mas progressiva
                                                      Maneira de morrer

                                                      Entre os dias que roubamos e
                                                      a falta que sentimos fica a mágoa
                                                      de sabermos sempre... mas sempre
                                                      o que perdemos

                                                      És amor és engano
                                                      És rosa deste jardim
                                                      Aplaudes ao cair do pano
                                                      A peça que conto de mim

                                                      És doce carícia quando te beijo
                                                      És cocaína, és essencia
                                                      Rainha de mim no desejo
                                                      Rainha dos sonhos carência

                                                       És aparecida aqui e agora
                                                       Dona de mim
                                                       Por dentro e..... por fora.


                                                                             Por:Tatuagem

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Nós Dois..............(Ela)


Só nós dois.... ali depois do amor....

Sem em mas nada pensar, na entrega absoluta 
de quem só sabe amar.... Meus e os seus olhos, brilham com a chegada um do outro
a pele queima com a febre da paixão o calor de nossos corpos 
aquecem a cama onde desfrutamos horas e horas de total prazer.

Nossos suores se misturam por todo lado...seus olhos negros parecem dois faróis acesos 
em busca de mais uma gota do meu sentir... Hoje nossos corpos foram desejados e amados 
na loucura dos amantes.... neste momento as horas correm (onde precisavam parar) fazendo chegar a hora de regressar... 


Ali conseguimos pensar somente em nós e contamos os dias e meses que estamos juntos
descobrimos que não conseguimos ficar longe um do outro, percebemos ali que somos mesmo fortes...
Tantos obstáculos já ultrapassamos e vencemos para este amor desfrutarmos na plenitude!
Sentimos que é amor.... sentimos que é paixão.... Sentimos que existe uma cumplicidade em nós que é tamanha....e assim vamos nos tornando cada vez mais forte e vencemos dia à pôs dia os gigantes que se levantam.

E, nosso amor só cresce e fortalece na medida que os dias vão passando mesmo na distancia que enfrentamos. Somos assim, como a flor e a raiz.... sou seu grito de desespero quando longe estou... juntos, é a minha paz, minha calma.... juntos somos "Tudo"  no caminho do amor na entrega da paixão..... somos eu e você............ pertencemos à um só coração.....!


Por: Flor de Sal

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Enquanto........ te Afastas.... (Ela)

Deixamos de ser "só nós dois".......
Leva contigo meu coração e mesmo longe "Somos só nós dois"
Fico aqui pedindo que seja eterno esse "amor", que seja a mesma "emoção,"
que seja um "só coração"..... quando te afastas leva o meu coração contigo
deixando-me no nosso mundo proibido.

Enquanto te afastas.... Sofremos com o tempo que se arrasta 
e no dia seguinte quando regressas é como o sol de primavera 
e as noites que nossos corpos se uniram.... Ah, elas  poderiam ser eternas.... 
Mas, quando te afastas.... meu coração sangra... a saudade aumenta... a ausência fere e a falta de ti, dói!

Enquanto te afastas..... deixa-me chorando todas as lágrimas de tristeza que 
a distancia impõe em nossos corações esse imenso intervalo que nos separa....
e distante não tem como secar as minhas lágrimas com seus beijos
tu que és para mim a hóstia da Vida... és par da minha "ASA"e sem ti não consigo voar....


Então enquanto te afastas.... Fico aqui a imaginar amanhã quando chegar
meus sussurros te falarão da paixão e os teus carinhos me mostraram os seus desejos
e em nosso momento mágico seremos um a essência do outro
já sou metade do teu coração onde dividimos cada batida que ele dá uma é tua e a outra é minha.....

Enquanto te afastas deixando-me aqui no aconchego dos amantes
deixa aqui a saudade daquele olhar meigo tão lindo (e triste por ter de partir)
das tuas mãos forte e ao mesmo tempo suaves... do beijo
no canto dos lábios quase que a implorar o encontro da minha língua com a tua... 

Enquanto te afastas... só me resta te encontrar nos sonhos e acreditar que esse amor já existiu em outra vida 
e nossas almas nesta se reencontraram..
E quando te afastas.... vai seguindo seu caminho sofrendo sem mim porque existe amor em nós.... Vai na certeza que amanhã estará de volta e essa "Dor" acaba quando nossos olhos se encontram e os corpos se entregam e se misturam matando a saudade de ontem!



Por: Flor de Sal



segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Dói..... (Ela)


Meu olhos estão aqui a procura dos teus....
Minha boca procura a tua.... 
Meu coração pulsa forte cada vez que meu corpo arde 
na busca incessante do teu....
Da minha parte você cada dia se torna um pedaço de  mim.... 

Um sentimento que me toma toda 
e só cresce.....
Mas isso só eu sei....
Só sei que dói.... 
quando vejo-te indo de volta pro teu mundo
Deixando-me aqui com o meu destino!
Seguindo vou por aqui...... sabe como...........? 
"Te Amando Demais"


Por: Flor de Sal


domingo, 25 de setembro de 2011

Você..........................Me...........................Completa...........! (Ela)


Eu consigo te sentir mesmo sem sair de onde estou...
Mesmo nesta distância que nos separa.
Consigo sentir seu coração bater mesmo na ausência do beijo.....
Do calor de cada abraço... No toque das tuas mãos que envolve-me até seu corpo.

Teu desejo louco e ardente.... Consigo ouvir cada palavra sua...
O sabor de cada lágrima sentida quando a boca se cala e deixa os olhos falarem....
Mesmo na distancia ai no seu mundo fechado, ouço o teu gemer louco 
A angustia de poder estar comigo agora ao meu lado.... 

A vontade de dar-me carinho e receber todos os meus beijos e mimos...
Sinto você a procura do meu rosto em cada pessoa que passa por ti.
A vontade de ouvir o calor da minha voz dizendo que és o meu"homem" menino poeta....
meu tudo... meu ser... minha razão de viver... pedaço de mim... meu sol e minha luz.


PS: Amomutoati

Por Flor de Sal

Enquanto me afasto.... (Ele)

Enquanto me afasto deixo para trás uma parte de nós
Algo por dizer alguém por beijar....mas insisto em partir
Enquanto me afasto deixo-te para trás a pensar
Se vale a pena amar assim....mas continuo meu caminho,minha tortura enquanto me afasto.
Nas nossas cabeças paira a incerteza dos condenados,a poesia trémula dos audazes que tudo arriscam para nada perder,a desconfiança vaga dos amantes.....enquanto me afasto.
Apenas o” hoje” nos pertence e o futuro é uma quimera que não ousamos tocar,o sol cai ...enquanto me afasto mas também caem as ilusões que pintamos a cores vivas para que a memória se lembre de nós,cai o pano anunciando o fim de mais um acto nesta peça que encenamos,cai-me a alma no chão......e tu apanhas,sacodes a terra e prometes devolver no dia seguinte.....enquanto me afasto.
Tento salvar o que vai restando de nós voltando a uma realidade branda latejando ainda por ti,trago o teu cheiro,os teus olhos nos meus e a minha mágoa mesquinha e sombria na face marcada pelo desespero....enquanto me afasto
E é quando me afasto que me apercebo o quão próximos já estamos ,cada um do seu lado lambendo as feridas deste amor improvável,o quanto sofremos para sugar até à ultima gota esta nossa história que inventamos todos os dias num improviso louco.
A magia das horas que roubamos ,as gargalhadas que trocamos, as lágrimas que vertemos(sim mesmo essas que estás a pensar),as palavras que escolhemos a dedo para nós e a mistura saborosa de tudo isto que fazemos para que …....enquanto me afasto....... não perca o rasto de ti.

sábado, 24 de setembro de 2011

Desculpa.............. Mas preciso respirar-te! (Ela)



Esta noite, uma lágrima rolou em minha face cansada...
PS: SEMPRE CHORO EU SEI!
Mas, desta vez foi diferente...
Não teve só emoção, dor, amor...... Teve mais.............

Ciúme talvez... Fraqueza ou Medo.... 
Triste noite essa agora sem ti!
Não lembro-me de alguma vez sentir tanta falta assim.
Já amei e me apaixonei, já sofri, sorri e fui feliz... (Muito feliz)

Já ganhei, já perdi ( Perder é sempre comigo) me habituei desde cedo com as perdas!
Já me entreguei em segredo... Já me amaram perdidamente e eu me apaixonei.
Me perdi no meio do caminho que fazia....
Um dia amei tanto, tanto e tanto fui amada que o destino por inveja
me roubou e levou.

Hoje, vejo você, sinto você em cada pensamento.... em cada batida que meu coração dá
Respiro você.... essa lágrima é de amor e saudade.
Você chegou e tomou conta e cada dia tem mostrado que chegou para ficar.....
Me conquistou e hoje eu só sei "TE AMAR"

Vida Minha, Minha doce Tatuagem 
quero dormir... Mas, continuo a chorar!

por: Flor de Sal




Desculpa....mas preciso sentir-te! (Ele)

Quando a noite cai,caem os sonhos e a fantasia somos tomados pelo assombro de uma cumplicidade interrompida,caimos os dois em desalento por não podermos ser plenos.Vagueamos na madrugada com a sensação de que estamos juntos mas o sonho acaba e nem sombra um do outro apenas o vazio na alma e a vontade que a noite termine.Veneramos a lua na esperança de um dia a guardarmos só para nós,acreditamos mesmo que ela mingua quando se apercebe que não estamos juntos e que cresce de esperança que desta vez vamos assistir juntos ao derradeiro luar (cruel utopia dos amantes).A noite também trás a lembrança dos momentos que passamos a lutar com as horas e contra o mundo que por teimosia não aprova esta história ,todos os afagos ,todas as carícias , todas as lágrimas,todo o amor lembrado até expoente máximo da loucura.Hoje não foi diferente o dia passou a correr por nós ,tentámos fintar o tempo acelerámos o passo,bebemos de um golo esta nossa paixão mas sabíamos que a rotina era diferente.Esta noite decidimos enganar a lua e aparecer juntos sem que ela contasse(é claro que ela envergonhada continuou a minguar para não dar parte fraca),no leito do rio lá estava ela reflectida e as aves gritavam anunciando a madrugada.Esta noite foi unica porque estavas aqui,pude finalmente expressar o carinho que trago por ti,guardar a beleza do teu sono e a fragilidade de um corpo á minha guarda que á tanto tempo desejava proteger. Por isso esta noite......Desculpa ....mas preciso sentir-te.....

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Obrigada Pedaço de Mim! (Ele)



A noite toda fui protegida e amada
seus carinhos enquanto dormia foram bálsamo 
seu amor alimentou-me a noite inteira, 
ah... como foi maravilhoso adormecer na doçura do teu calor...

Como foi lindo despertar-me do sono pela manhã e fazer amor 
me realizar no teu corpo me alimentar do teu prazer...
fazer mulher no homem que é você....
esta noite dormi em teus braços e como foi lindo amanhecer...!

Obrigada, "Vida Minha" por esses instantes deixar-me viver...............!

Por: Flor de Sal!